capaconmonguefb

O Impacto de Grandes Contratações no Facebook

Depois de fazer um texto sobre o impacto das contratações no Twitter, resolvemos comparar com os números do Facebook, das principais contratações desse início da temporada 2017.

fbpontosab

A ordem de pontuação de engajamento, com números absolutos, é a mesma. Mas os picos são bem diferentes.

O do Botafogo (dia 29) é por causa do Montillo, que foi anunciado quase à meia noite do dia 27.

No Palmeiras também está claro que a contratação do Guerra foi divulgada no dia 27, mas contou com outros picos claros. Bem mais expressivos que os do Twitter, no mesmo período.

Curiosamente, dias 2 (anúncio oficial) e 3 (posts de suporte do anúncio) não foram os picos do Flamengo. A chegada do Conca ajudou o clube a manter um engajamento bem expressivo que já vinha mantendo. E não foi o suficiente para criar uma pontuação ainda maior.

Mas a maior curiosidade é quando observamos o gráfico que leva em consideração a pontuação por seguidor do time.

fbpontosis

Ao contrário do Twitter, onde o Flamengo manteve a ponta no engajamento por seguidor, aqui o rubro-negro (mesmo com alto engajamento total) ficou atrás de Botafogo e Palmeiras.

Isso não quer dizer, necessariamente, que o Botafogo faz um melhor trabalho no Facebook do que no Twitter e o Flamengo tem o mérito oposto. São análises diferentes. Que passam até pelo fanatismo do torcedor de cada clube em cada rede social.

Como já mostramos aqui com outros exemplos, a torcida de um mesmo clube tem desempenhos bem diferentes em cada rede social. O que funciona bem em uma pode não funcionar tão bem na outra. Os clubes precisam saber alinhar o discurso a cada rede. E mesmo assim, podem nunca conseguir o mesmo desempenho em todas elas.

Quem tiver dúvidas de como funcionam esses gráficos, temos uma explicação aqui.